Hoje quinta-feira, 24 de  julho de 2014.

Pesquisa
 
  Principal
  Humanização
  Núcleo Indígena
  Educ. Profissional
  Residência
  CEIDS
  Pólo
  NURESC
  Rede Observatório
  Quem Somos
  Notícias
  Redução de Danos
  Comitê de Ética
  Cursos

LINKS
Secretaria Estadual da Saúde
Ministério da Saúde
DENASUS
Somasus
PROGRAB
 
Total de Visitantes 5 Visitantes Online 2
Untitled Document
 
  Quem Somos
 
História

História


A Escola de Saúde Pública (ESP-SES/RS) teve sua origem vinculada à Secretaria da Educação e Saúde Pública do Governo do Estado junto aos Serviços de Assistência Médico-Social , tendo como data marcante 2 de maio de 1939 segundo o Decreto nº 7.782 de 02/05/1939.  Em 1954, essa Escola foi transformada em Escola de Auxiliares de Enfermagem (Decreto nº 5.027 de 30/06/1954) e em 1960, passou a denominar-se Escola de Auxiliares de Enfermagem (Lei estadual nº3.602 de 01/12/58)   e finalmente, em 1962 cria-se a Escola de Saúde Pública (Decreto nº 13.812 de 11/07/62).


A partir de 1975, o projeto educativo incluiu a Especialização em Saúde Pública e em 1976, no Centro de Saúde-Escola Murialdo, foi implantada a Residência em Saúde Comunitária, caracterizando a ESP/RS como o principal centro formador de sanitaristas da Região Sul.

A ESP/RS foi diversificando suas áreas de formação/capacitação, atuando em cursos de pós-graduação, programas de residência e especialização em área profissional, cursos de aperfeiçoamento, cursos de educação profissional e em atividades de extensão, de educação permanente e de educação continuada, além de desenvolver pesquisas na área de saúde coletiva, erradicação do trabalho infantil, epidemiologia da violência, recursos humanos em saúde no RS e desigualdades em saúde.

A ESP/RS, a partir de 1999, assumiu um dos eixos estratégicos da gestão estadual do SUS no Estado do Rio Grande do Sul, formação e o desenvolvimento de pessoal de saúde e de agentes sociais para a gestão de políticas públicas de saúde, definindo seu projeto político-pedagógico como Educação em Saúde Coletiva. A partir de 2001, a ESP/RS passou a debater a educação dos profissionais de saúde no âmbito da graduação, seja com a Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, seja com o segmento estudantil universitário das carreiras de saúde.


 

 
 

Publicidade